ÚLTIMA VEZ DA PRIMEIRA VEZ

339097862_640

Qual foi a ÚLTIMA VEZ, que você fez algo DESAFIADOR, pela PRIMEIRA VEZ ? 

Quando penso em nos desafiarmos; sempre recordo daquela velha e celebre frase: “A vida não é contada nos minutos, que respiramos; mas sim nos quais perdemos o fôlego”. Isso vale, sem dúvida alguma, ao mundo corporativo!

Por muitas vezes em nossas carreiras profissionais, sentimos aquele “frio na barriga”, ao assumir algo novo;  a sensação, mesmo que algumas vezes ‘falsa’, de despreparo imediato, que não vamos conseguir, o achismo pessoal sobre a falta de capacidade ou experiência miníma necessária ao novo, que se apresenta; porém  no final do ciclo, somos surpreendidos por nós mesmos; superamos aquele “novo desafio”; nem melhor, nem pior que ninguém, ao nosso modo, dentro de nossas possibilidades.

A inovação nasce exatamente desta postura inquieta, que persegue os grandes profissionais. Como podemos fazer melhor o que sempre fizemos do mesmo jeito por anos? Como fazer “diferente” e melhor?

Surpreenda-se e também a quem lhe cerca, seja sua equipe de trabalho, seu gestor, seu diretor. Trabalhe com afinco em novas soluções, idéias, projetos, ações; contribua para sua empresa de uma forma inventiva; seja visto, como alguém que vai além, se diferencie da “manada” comum e mediana.

Sem questionar o “atual/velho”; nunca teremos a oportunidade de experimentarmos o “novo”!

Recordo que há 2 anos atrás, estive na Croácia de férias, cruzando alguns países ao Leste Europeu e um amigo me questionou, se eu já havia saltado de “bungee jumping” alguma vez, na minha vida. Respondi que não e que não seria desta vez, olhando para uma ponte de altura absurda (primeira reação “comum” do ser humano – negar a sair da zona de conforto e resistência natural ao novo); porém ele insistiu e me desafiou. Mostrou-me a famosa ponte croata – Šibenik Bridge: de 56 metros de altura (de 40 metros a partir do mar) e me disse: “Viemos até aqui. Estamos quase a 10.000 quilômetros do Brasil. Só vamos tirar fotos? A oportunidade é única, o momento é agora, nunca mais esta ponte será a mesma e você nunca mais será o mesmo. Quando foi a última vez; que você fez algo pela primeira vez? Não lembra, mais uma razão para registrar esse momento agora“. Essa motivação externa fez me desafiar a saltar, pensei realmente que os maiores prazeres pessoais e profissionais é quando nos movimentamos, nos desafiamos e evoluímos ao novo.

Encarar o novo sempre vai requerer coragem, em todos os momentos de sua vida!

O novo nem sempre precisa ser tão novo assim, reinventar com algum “tempero” e novidade o existente; nos traz uma nova dimensão e perspectiva também. Seja a ruptura parcial ou total do existente.

Pense no contexto corporativo, no seu dia-a-dia de trabalho. Quantas vezes você fez e faz algo novo? Quanto tempo você realiza atividades rotineiras ou “apaga o famoso incêndio” e não realiza nada de novo e diferente?

Quantas oportunidades não passam dia-a-dia na sua frente, oferecendo o novo e não agarramos. Esperando o que? Esperando por quem? Esperando quais motivos? O que você carrega dentro de você tem que ser sua força motriz, com carga suficiente, para mover a máquina de vida.

O “novo” pode ser um: processo corporativo, produto, solução, apartamento, carro, casa na praia, relacionamento interpessoal, viagem dos sonhos, amizades; não importa.

Seja qual “novo” você desejar. Desejo-lhe sorte e competência para alcançar. Meu sincero incentivo para se desafiar a buscá-lo!

Qual foi a ÚLTIMA VEZ, que você fez algo pela PRIMEIRA VEZ?  

Desafia-se ao novo, ele está mais perto e disponível do que você imagina!

Rodrigo Quinalha
Palestrante Corporativo
Professor MBA & Pós – FIA – Fundação Instituto de Administração
Business Manager – HB

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s